LANGUAGE / IDIOMA / LANGUE
 
OFERTA ESPECIAL
CIRCUITOS E SAFARIS
SELF-DRIVE / AO SEU RITMO
VIAGENS À SUA MEDIDA
PRESENTAÇAO DO PAÍS
ZONAS DE INTERESSE
VIAJES TEMÀTICAS
ATIVIDADES DE AVENTURA
   
 
 

 

ÁFRICA DO SUL

Poderão encontrar mais abaixo uma seleção dos destinos mais turísticos de África do Sul (mencionados de Leste até Oueste). São apenas algumas das muitas zonas de destaques que cada região tem para oferecer.

LIMPOPO
As deslumbrantes Montanhas de Duiwelskloof e Magoebaskloof
: Com as suas florestas indígenas, vegetação tropical, antigas e gigantescas espécimes da embomdeiros, cuja aparência estranha tem levado à lenda que Deus os plantou de cabeça para baixo por raiva, a Reserva Natural de Modjadji onde estão protegidas cicadáceas de 50 milhões de anos. As artes, o artesanato e a fascinante cultura do povo local podem ser apreciados nas suas aldeias e oficinas de arte.

“Hans Merensky Golf Club and Nature Reserve” - Situado na fronteira com o Parque Nacional Kruger, é possível observar animais selvagens locais no campo de golfe.

“The Kapama Endangered Species Breeding and Research Centre and the Centre for the Rehabilitation of Wild Animals” – Situado em Hoedspruit onde é possível fazer um curto passeio montando um elefante.

Parque Nacional de Mapangubwe. Um dos sítios arqueológicos mais ricos de África e um local de Património Mundial da UNESCO. As escavações deram a conhecerum cemitério real com um grande número de objetos de ouro incluindo um rinoceronte de ouro.

Nylsvlei é um santuário de aves de Wetland (zonas húmidas) sem igual, onde foram registrados mais de 400 espécies.


MPUMALANGA - "Terra do sol nascente", também conhecida como o “Lowveld”.

Missão de Botshabelo e a aldeia Cultural de South Ndebele
Uma fascinante introdução à vida tradicional da tribo Ndebele, suas roupas coloridas, anéis metálicos e casas indígenas decoradas com motivos brilhantes e desenhos geométricos.

O Rota Panorama – Blyde River Canyon:
Oferece paisagens deslumbrantes sobre a Cordilheira de Drakensberg e sítios de importância histórica, cultural e ecológico, tais como:

  • Pilgrim’s Rest onde o ouro foi descoberto em 1873. É uma aldeia cheio de historia carismáticas sobre os dias dos requerentes de fortuna. Hoje em dia, a aldeia é um autêntico museu ao vivo.
  • God’s Window (janela de Deus) - Proporciona vistas espectaculares sobre o “Lowveld” até ao Parque Nacional Kruger e mais alem.
  • O Blyde River Canyon é o terceiro maior canyon do mundo e o único canyon "verde", caracterizado pelas suas extraordinária formações rochosas e uma vegetaçãocomposta de samambaias, aloés, cicas e proteas.
  • Bourkes Luck Potholes – Enormes buracos situados no leito do Rio formados pela passagem da água ao longo de milhões de anos.

A Aldeia Cultural Shangana oferece uma introdução à cultura, história e tradições do povo Shangaan.

Interação e Passeio montando elefantes são possíveis nos Sanctuarios de Elefantes situados em Hazyview e arrededores.

Muitas outras atividades de aventura como Rapel, Escalara rock, Tubing, rafting, canoagem, caminhadas, ciclismo de montanha, Sobrevôo de Balão, etc.


LIMPOPO AND MPUMALANGA

PARQUE NACIONAL KRUGER
Com uma superfície de 2 milhões de hectares, o Parque Nacional Kruger é um dos maiores parques do mundo. Estabelecido em 1898 é também um dos mais antigos. Protege 147 espécies de mamíferos, incluindo os "Big 5” (cinco grandes = elefante, leão, leopardo, rinoceronte e búfalo), cerca de 500 espécies de pássaros, 114 espécies de répteis e 33 espécies de anfíbios.

O Parque Nacional Kruger pode ser visitada durante todo o ano e cada estação tem sua própria atração. Na primavera/verão, as árvores e os arbustos estão em flor e um grande número de animais dá à luz os seus filhotes. No outono e no inverno, o clima é moderado e seco, as ervas são mais curtas e permitem a mais fácil visualização da fauna. Muitos dos rios estão secos, levando os animais a reunir-se ao redor das barrragens permanentes. 16 acampamentos de resto fornecem uma grande variedade de alojamentos dentro do parque em chalés de colmo, bungalows ou rondawels (cabanas arredondadas), bem como tendas de safari. Também oferecem restaurantes e lanchonetes.

Um grande número de Reservas Privadas oferece alojamento, normalmente em lodge de luxo. Algumas dessas Reservas privadas estão na fronteira com o Parque Nacional Kruger. A principal diferença entre as Reservas Privasas e os Parques Nacionais é que nas Reservas Privadas, os veículos de Safari 4x4 podem deixar as estradas principais para seguir os animais selvagenatravés do mato/savana, o que permite a visualização de mais perto.

KWAZULU NATAL

Cordilheira de Drakensberg: Património Mundial da UNESCO, É conhecida pelas suas diversas pinturas rupestres de “San”, encontradas sobre as rochas, penhascos e cavernas.
Incríveis formações geológicas como o gigantesco “anfiteatro” natural, uma grande variedade de fauna e flora e abundantes espécies de aves, incluindo o abutre de Lammergeyer (uma das mais raras aves de rapina do mundo) caracterizam esta região.

Esta região é um paraíso para quem gosta de caminhar, atravessada por inúmeras trilhas que variam de várias horas à vários dias. Estes passam por algumas das paisagens mais impressionantes do mundo, levando a cachoeiras, grutas com pinturas, etc. As opções de alojamento são infinitas, variando entre hotéis, casas de hóspedes, bungalow de colmo, oferecendo todo grande conforto e bons serviço.

The Natal Midlands – Esta região testemunhou as batalhas entre inglêses, Boers e os Zulus no século 19. Muitos dps campos de batalha estão situados perto da vila de Dundee, tais como o “Blood River” (Rio de sangue), Isandhlwana, Rorke´s Drift e Talana onde a primeira batalha da guerra entre os Boer’s e ingleses que teve lugar há mais de 100 anos.

Shakaland - Esta aldeia cultural oferece uma introdução para a vida do povo Zulu, sua história, lendas, danças tribais, tradições e o significado de seu “beadwork” (artesanato feito com missangas) e o seu vestuário. Foi o cenário original do filme chamado "Shakazulu".

As Reservas de Zululândia - A Reservas de Hluhluwe e Mfolozi são famosas por salvar o rinoceronte preto e branco da sua extinção.

O St Lucia Wetland Park, uma das áreas mais importantes para a conservação de habitats de zonas húmidas (“wetlands”) foi recentemente declarada Património Mundial pela UNESCO. Com sua exuberante vegetação tropical, este lago de 60km é um estuário e lar de muitas espécies, incluindo o hipopótamo, antilopes, crocodilos, iguanas e, claro, muitos pássaros.

Praias - A região de KwaZulu Natal tem muitos complexos balnearios banhados pelo aguas quentes do Oceano Índico, um paraíso para surfistas e mergulhadores.

GAUTENG

Joanesburgo - É o centro económico de África do Sul. Rosebank Rooftop Market oferece a melhor seleção de artesanato de África do Sul e todo o continente africano.

Soweto – Antigo e famoso “Township” conhecido por sua resistência ativa durante o Apartheid. Os locais de interesse nesta zona incluem a casa de Nelson Mandela, antes de ter sido preco, a Igreja católica “Regina Mundi”, vários museus e subúrbios residenciais de favelas a mansões de luxo.

(Township: áreas urbanas criadas durante o Apartheid para a população preta e indiana)
As famosas Cavernas de Sterkfontein, Património Mundial da UNESCO, uma das mais antigas e abundantes concentrações de fósseis hominóide do mundo, adquirindo assim o título de "Berço da humanidade".

A sede do governo (Union Buildings) - situado em Pretória. Foi desenhada por Sir Herbert Baker e tem um dos locais mais deslumbrantes do mundo.

A mina de diamante de Cullinan, onde o maior diamante do mundo foi descoberto.

NORTH WEST

Madikwe Game Reserve, reserva privada em área sem risco de malária, oferece uma grande variedade de fauna e aves.

Sun City - Um complexo “Cidade” com uma decoração de Palacio com uma grande variedade de hoteis (incluindo "The Palace of the Lost City 5*"), parque aquático, casino, animações, atividades recreativas e dois campos de golfe, onde tem lugar o famoso “Million Dollar Classic”. É tambem situado perto do Pilanesberg National Park, Parque de Safari numa zona sem risco de malária.

De Wildt Cheetah Research Centre é um refúgio de conservação para as espécies de chitas ameaçadas.

NORTHERN CAPE

O Parque Nacional Richtersveld, um real paraíso para os apaixonados de atividades ao ar livre. É a única zona montanhos localizada no deserto. A beleza extraordinária da sua paisagem tão singular é reforçada pela sua flora estranha composta sobretudo por plantas suculentas.

Namaqualand - Na primavera (Agosto/Setembro) após as primeiras chuvas, ocorre um milagre de botânico em Namaqualand. Um mar de flores cobre as planícies áridas do deserto como um tapete mágico multicolorida. Mais de 3000 espécies florais foram identificadas na região.

Parque Nacional de Augrabies - As águas do Orange River correm numa série de cachoeiras espetaculares até um Canyon longo de 18 km. A vegetação exuberante nas margens do rio cria um contraste com a aridez do deserto, a poucos metros de distância. É o habitat para uma variedade de aves, babuínos e pequenos antílopes.

Parque Nacional de Kalahari Gemsbok: A imagem do antilope Órix nas dunas avermelhadas do Parque Nacional de Kalahari é algo irreal. O parque abrange uma área de 953 000 ha no canto mais remoto da África do Sul e na fronteira com o Parque Nacional de Gemsbok, formando o Parque Transfronteiriço do Kgalakgadi.

Fora os antilopes Órix e Springbok, o parque protege uma grande variedade de vida selvagem, incluindo leões, leopardos, chitas, hienas e aves de rapina como corujas e águias.

EASTERN CAPE

O Parque Nacional Tsitsikamma, situado na Rota Jardím e estendendo-se por mais de 80 km ao longo da costa. É a primeira reserva marinha do país e também inclui florestas. O Parque abrigam macacos, antílopes e aves, enquanto que as suas águas abrigam lontras, baleias, focas e golfinhos. As inúmeras pistas para caminhadas, incluindo o famoso “Otter trail” são uma ótima maneira de explorar a área. A ponte suspensa sobre a foz de Storm River oferece uma sensações refrescantes e energizantes.

O Addo Elephant National Park abriga os elefantes que pertencem a um grupo genético único e que estiveram em perigo de extinção durante várias décadas. O parque também protege muitas outras espécies, incluindo leões, leopardos, Rinocerontes, búffalo, uma grande variedade de antílopes, meerkats (suricatos), Mangusto, tartaruga e fascinante escaravelhos que não voa (Dung Beetle).

WESTERN CAPE

A Cidade do Cabo, com o espetacular “Table Mountain” (Montanhã em forma de mesa) como pano de fundo, é considerada como uma das mais belas cidades do mundo. Tem inúmeros edifícios históricos, Museus e o pitoresco bairro Malaio ou Bokaap.

Table Mountain: A vista do topo da montanha é simplesmente magnífica. Pode optar por apanhar o teleférico ou caminhar até ao topo (aproximadamente 3 horas – para nivel avancado).

Victoria & Alfred Waterfront: O antigo porto da Cidade do Cbao foi renovado e convertido num centro de entretenimento, com mercados, um “Shopping Center”, restaurantes, shows e um excelente aquário.

Robben Island: Localizada mesmo em frente à Cidade do Cabo, esta ilha tem um forte impacto histórico porque é onde está situada a prisão onde Nelson Mandela foi mantido prisioneiro por quase duas décadas.

Península do Cabo: A rota panoramica pode incluir as seguintes visitas:

Chapman’s Peak – uma estrada costeira espetacular abraçando as falésias e oferecendo vistas deslumbrantes sobre o oceano.

A vila pescatoria de Hout Bay, o pitoresco porto é o ponto de saida dos barcos que vão até Seal Island (ilha com grande população de focas).

A Reserva Natural do Cabo da Boa Esperança, cobrindo uma área de 7700 hectares e abrigando 1036 espécies florais diferentes. As fynbos (vegetação natural) do Western Cape forma um dos 6 maiores reinos florais do mundo e considerado muito prolifico em relação ao seu tamanho com 8,600 espécies, incluindo a família dos protea. Embora a principal atração da reserva não seja a sua fauna, A reserca protege numerosas espécies de animais, incluindo o raro antílope Bontebok. A principal atração da reserva é as paisagens panoramicas de Cape Point, com falésias ingremes mergulhando no oceano ora calmo, ora tempestuos.

Boulders Beach abriga uma colônia de pingüins africanos Jackass.

Kirstenbosch Botanical Gardens: Este Jardim Botanico está classificado entre os oito primeiros do mundo pela sua variedade, beleza de espécimes e seu magnífico cenário. A propriedade abrange uma área de 525 hectares e protege Fynbos e outra vegetação natural. O Jardim Botanico cultiva somente plantas indígenas sul-africanas.

A rota das Baleias: Estendendo-se ao longo da costa do Cabo, este é o melhor lugar do mundo para observar baleias desde da costa. Pode-se observar frequentemente o namoro, acasalamento e nascimento de baleias entre Junho e Novembre de cada ano.

A Rota dos vinhedos do Cabo oferecem a oportunidade de saborear deliciosos vinhos, explorar graciosas herdades holandesa do Cabo e desfrutar de excelente cozinha “gourmet”. As cidades históricas e vinhas do Western Cape estão rodeadas por montanhas espetaculares, únicas no mundo.

O estilo de arquitetura holandesa do cabo pode ser visto nas cidades de:

  • Stellenbosch - a segunda cidade mais antiga do país, com vários museus e monumentos nacionais.
  • Paarl - As caves KWV e monumento à língua Afrikáans.
  • Franschhoek - O monumento de huguenote francês

Outras localidades com interesse histórico: Montagu, Tulbagh e Wellington.

Oudtshoorn: Onde é possível visitar fazendas de avestruz e aprender sobre a reprodução e criação da maior ave do mundo.

  • Cango Caves: Apenas a 28 km de Oudtshoorn, estas magníficas grutas estendem 5,3 km até as montanhas Swartberg, oferecendo uma vista inesquecível de brilhantes de estalactites e estalagmites em várias formas.
  • Tour panorâmico pela impressionante Cordilheira de Swartberg (sujeito as condições climáticas) até a região desértica do Karoo. Paragem na vila histórica e pitoresca de Prince Albert. Regresso a Oudtshoorn pelo desfiladeiro de Meiringspoort com uma paragem numa cascata.
  • Meerkat Experience Tour: Encontro com Devey para uma experiência de observação de Suricatos no Karoo: Caminhada silvestre ao nascer do sol durante 2-3 horas e Safari para observar os suricatos (meerkat), pequenas criaturas encantadoras que vivem em completa liberdade. É uma experiência fantástica e um privilégio único que permite aos participantes aproximar-se do habitat natural de estas pequenas criaturas.

Knysna: A pitoresca cidade de Knysna é conhecido por suas duas famosas “Heads” na foz da lagoa, bem como as esculturas criativas feitas da madeira indígena.